Mostrando postagens com marcador Estelionato. Mostrar todas as postagens
Mostrando postagens com marcador Estelionato. Mostrar todas as postagens

segunda-feira, 10 de agosto de 2020

Dupla é presa por praticar estelionato contra idosos no Maranhão


Polícia Civil.
Duas pessoas que não tiveram os nomes divulgados, foram presas durante uma operação da polícia civil. As prisões ocorreram em São José de Ribamar e Bacabeira.

Segundo informações da polícia, a dupla é suspeita de integrar uma associação criminosa especializada em praticar crimes de estelionato contra idosos em diversos municípios maranhenses.

As vítimas eram beneficiárias da previdência social e eram abordadas, sendo induzidas pela dupla a contraírem empréstimos bancários nas cidades de São Luís e São José de Ribamar.

Após assinarem os contratos, os idosos eram induzidos a deixarem seus cartões bancários e senhas com os criminosos para a realização de supostos procedimentos para que os valores tomados emprestados fossem liberados, sendo orientados a retornarem posteriormente para receberem o dinheiro, mas não recebiam os valores.

Uma terceira pessoa, também é suspeita de integrar a associação criminosa, e havia sido presa no mês junho, no município de Paço do Lumiar, se encontrando em prisão domiciliar atualmente.

Do MA10.

quarta-feira, 11 de dezembro de 2019

Falso policial é preso suspeito de estelionato em Buriticupu


Falso Policial preso no Maranhão.

A Polícia Civil do Estado do Maranhão, por intermédio da Delegacia de Polícia Civil de Buriticupu, efetuou a prisão em flagrante de Cristiano Patrick Moreira, de 27 anos, no último sábado (7), pelo crime de estelionato e contravenção penal de uso ilegítimo de distintivo.
De acordo com informações policiais, ele foi preso no centro da cidade de Buriticupu. Ainda segundo informações, o suspeito aplicava golpes na cidade obtendo empréstimos e apresentando falsos comprovantes de pagamento no intuito de quitar as dívidas.
O suspeito, ainda, utilizava uma carteira com brasão, na tentativa de se passar por Policial Civil. Ele é suspeito, ainda de praticar diversos outros golpes similares no estado de Santa Catarina. O custodiado permanece à disposição da justiça.
Oimparcial